Cidade chinesa cria lago artificial… Mas acaba ficando com um deserto tipo Saara…

A cidade de Zhengzhou fica na província de Henan (em amarelo), na República Popular da China (em cinza).

A província de Henan é a mais populosa da China, com cerca de 100 milhões de habitantes, e relativamente pobre dentro da República chinesa. Sua capital, Zhengzhou, tem pouco mais de 8 milhões de habitantes e nas suas proximidades fica o famoso templo budista de Shaolin, cujo portão principal vemos abaixo.

Como acontece em todas as grandes metrópoles, Zhengzhou sofre com problemas de escassez de água e de locais de lazer para seus habitantes. Então, as autoridades até que tiveram uma ideia interessante, criar um lago artificial nos limites da cidade, drenando a água do Dragon Lake – alimentado pelo Rio Amarelo que cruza o território – e removendo toneladas de areia que ficavam ao seu redor para criar uma praia artificial.

Só que a Natureza infelizmente não colaborou com o plano. Por algum motivo (talvez porque outras cidades às margens do Rio Amarelo tiveram a mesma ideia e desviaram seu curso, diminuindo o fluxo…), a água do lago secou e toda aquela areia que foi escavada começou a ser espalhada pelo vento.

Sun-Yat Foo, crítico desse plano desde o início, disse que “Isso foi o triunfo de quem planeja sem todas as informações, às pressas. Tudo o que podia dar errado, deu…” E o que seria uma paisagem verde nos arredores da cidade se transformou num desastre ecológico.

O que restou do Dragon Lake está agora cercado por dunas de areia que, em alguns locais, pode chegar a 10 metros de altura, sufocando a vegetação na área. Essa mesma areia é levada ao centro da cidade e outros bairros nos dias quentes e com vento mais forte, cobrindo as ruas e obrigando as pessoas a usar máscaras.

Os moradores das áreas próximas reclamam da areia que continua se espalhando incessantemente, e segundo Sun-Yat, o governo ainda não tomou nenhuma medida para resolver esse problema.

A areia hoje se espalha por uma área equivalente a quatro campos de futebol, e continua crescendo – atraindo inclusive répteis, cujas pegadas já foram vistas por alguns moradores. Outro problema, segundo comerciantes locais, é que ninguém quer fazer negócios na cidade com um deserto às suas portas.

O governo local, enquanto não sabe como se livrar de toda essa areia às portas da cidade, resolveu cobrir as dunas com uma tela de plástico verde para tentar conseguir a aparência de um oásis verde que tanto queriam…

Mesmo que não consigam, a esperança é que, pelo menos, essa tela deve evitar que a areia continue a se espalhar pela cidade, impedindo os moradores até de abrir os olhos em dias de ventania.

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s