Esta é a hora – parte 2

Falei, no “primeiro capítulo” desta jornada, sobre o marketing multinível, ou marketing de rede. Clique aqui caso não tenha lido esse post.

Fazendo um breve resumo do que foi dito, o marketing multinível é um modelo comercial de distribuição de bens ou serviços em que os ganhos podem advir da venda efetiva dos produtos e do recrutamento de novos vendedores. Você compra os produtos ou serviços com desconto e revende com lucro. Você também pode aumentar seus pontos de distribuição cadastrando novos distribuidores.

Quero reforçar um ponto: o marketing multinível é a grande tendência do século XXI. Enquanto milhões de pessoas estão em busca de um emprego tradicional, que a gente vê cada vez mais escasso, milhares estão vivendo (e muito bem!) graças ao MMN (marketing multinível).

A realidade no Brasil e no mundo é essa. TRANSFORMAÇÃO. As vagas de emprego tradicionais são cada vez menores. Muitas já foram extintas ou estão em processo de extinção, e suas funções estão sendo substituídas pela tecnologia. Isso é inevitável…

Lembra quando existiam vendedores de enciclopédias? Telefonistas?

Mas existe uma saída para quem tiver espírito empreendedor: o MMN. 

No segundo trimestre de 2018, conforme divulgado pela ABEVD, o Brasil tinha cerca de 4,5 milhões de empreendedores independentes, incluindo as empresas de Vendas Diretas.

Quais são as melhores empresas brasileiras desse ramo?

Ben Popov, Estrategista de Marketing Digital e Consultor de Marketing Multinível, analisou empresas de MMN no Brasil de diversos segmentos, usando dois critérios (Critérios Tradicionais – os produtos da empresa, o plano de compensação, tempo no mercado, o histórico dos fundadores, etc. e Critérios Pessoais – moral e ética da rede dos distribuidores, o histórico dos líderes principais, ferramentas de recrutamento e treinamento, dedicação e foco no setor, etc.). Seu ranking das 12 melhores está aqui, se você se interessar em saber mais.

No setor de NUTRIÇÃO, a número 1 no ranking é a Jeunesse. Veja o que ele falou sobre a empresa:

Empresa:

Com a Jeunesse, você tem a possibilidade de trabalhar confortavelmente a seu próprio ritmo. Com um dos planos de marketing mais lucrativos e equilibrados, o número de pessoas que vêm construindo um negócio próspero está crescendo a um ritmo sem precedentes. Os sonhos dos distribuidores da Jeunesse vêm se tornando realidade em todo o mundo. A Jeunesse oferece: tecnologia de última geração, produtos extraordinários, plataforma global, eventos marcantes, viagens inesquecíveis, entre outros. Se você estiver procurando uma oportunidade para ganhar uma renda parcial ou para expandir suas operações em uma plataforma global, a Jeunesse fornece uma oportunidade de negócio lucrativa para todos os tipos de empreendedores.

Produtos:

11 linhas de produtos de altíssima qualidade sem concorrência no Brasil.

Plano de Compensação:

É um dos planos de marketing mais lucrativos e verdadeiramente equilibrados, que possibilita desde uma renda paralela ou extra até a tão desejada liberdade financeira. A Jeunesse orgulha-se em ter um plano de marketing muito bem planejado e que nunca foi mudado desde que foi criado, e quem vem mudando a vida de tantas pessoas.

 

Parece papo de vendedor, não é? Pois o fato é que verdade. Veja só o plano de compensação da empresa:

  1. Margens de Lucro

    Os distribuidores, em qualquer nível de Jeunesse,  podem comprar os produtos a preço de atacado para uso pessoal e revenda. Um distribuidor pode ganhar entre 20% a 45% de lucro sobre cada venda no varejo.

    Exemplo: você paga $83,95 por um produto e o vende pelo preço sugerido de revenda de $134,95, obtendo um lucro no varejo de $51,00!

  2. Bônus de Vendas ao Varejo

    Conforme você inscrever pessoalmente novos Clientes Preferenciais, você poderá ganhar bônus. Esses bônus são pagos na compra de um dos pacotes de produtos Jeunesse. A opção Criar Um Pacote é uma ótima alternativa para quem quer personalizar o pedido dos seus clientes preferenciais.

  3. Comissões de Equipe

    Você pode ganhar Comissões de Equipe conforme começar a construir a sua equipe de vendas. Esses bônus foram criados para recompensá-lo por ajudar e apoiar aqueles que se juntam à sua equipe. Quanto mais ajudar sua equipe a ter sucesso, mais bônus de Equipe pode ganhar.

  4. Bônus de Liderança

    Você pode ganhar Bônus de Liderança sobre as Comissões de Equipe pagas para os seus patrocinados. Cada pessoa que se inscreva patrocinado por você cria uma nova linha de patrocínio sua.

  5. Bônus de Diamante

    A pessoa pode ganhar uma parte do total das vendas globais da Empresa (que está em 147 países!) ao se qualificar. Nesse bônus, a Empresa separa 3% do total e o compartilha com quem estiver qualificado. Esse bônus é pago a cada trimestre, conforme forem as quotas acumuladas pelo distribuidor.

Que tal? Não é interessante demais?

Amanhã, vou lhe contar em mais detalhes sobre a JEUNESSE. Que empresa é essa, como opera, quais são os produtos, enfim, como faz para se tornar parte desse negócio.

 

Mas, antes de encerrar, não custa repetir aqui as diferenças entre

MARKETING MULTINÍVEL X ESQUEMA DE PIRÂMIDE

Diferentemente do marketing multinível, em que o lucro principal é obtido com a venda de produtos e serviços, o esquema de pirâmide é ilegal e está baseado principalmente no recrutamento de outros integrantes, com a falsa promessa de dinheiro rápido e fácil. Na maioria das vezes, os participantes, inclusive, são estimulados a pagarem uma taxa somente por ingressarem na rede, sem que o valor seja revertido em mercadorias.

No esquema piramidal, os produtos e serviços não têm valor comercial e, muitas vezes, nem existem. Normalmente, os participantes são remunerados somente pela indicação de outros indivíduos ao esquema, sem precisar vender nada. Quem realmente lucra neste sistema fraudulento, porém, são apenas as primeiras pessoas que entraram.

MARKETING MULTINÍVEL

  • Vende produtos e serviços
  • Ganho proporcional ao esforço
  • Continuidade
  • Gera e recolhe impostos
  • Forte investimento em treinamento
  • São associadas à ABEVD e à WFDSA (World Federation of Direct Selling Associations) e cumprem o Código de Ética
  • Presente em mais de 100 países

PIRÂMIDE

  • Não vende nada ou mascara a inexistência de produtos ou serviços cobrando por eles valores muito acima daqueles praticados no mercado
  • O primeiro a entrar é o que mais pode ganhar
  • Não há continuidade
  • Nem sempre há pagamento de impostos e emissão de notas fiscais
  • Foco no desconhecido e apenas no enriquecimento rápido e fácil (não há treinamento)
  • Esquema ilegal e proibido
  • Podem ser enquadrados em crimes de estelionato, crime contra a economia popular, evasão de divisas

Fique ligado!

 

 

 

 

 

Fontes:

aulaplus.com.br

ABVED

 

Esta é a hora – parte 1

Este é o momento.

Depois que as coisas voltarem ao normal no país (e, segundo os especialistas, não vai demorar tanto quanto alguns imaginam), tenho certeza de que o mundo será diferente. As relações interpessoais vão mudar, o relacionamento profissional vai mudar… e aqueles que estiverem melhor preparados serão os que serão mais bem sucedidos.

Acredito que a tendência profissional mais forte desse novo mundo é “ser seu próprio patrão” e “montar seu próprio negócio online”. Trabalhando em casa!

Normalmente, abrir um negócio online dá um certo trabalho: montar o site, ter os produtos certos, cuidar da logística, do sistema de pagamentos etc… Mas, e se eu te disser que você pode ter tudo isso (site, produtos certos, logística global…) à distância de um clique?

Decidi lhe contar tudo tim-tim por tim-tim, nos menores detalhes. Por isso, farei uma série de posts sobre o assunto, pra que cada detalhe possa ser esmiuçado e você compreenda a amplitude do que estou apresentando.

Este post 1 vai começar…. do começo (eh eh eh!).

Existem muitas maneiras de trabalhar na internet, mas estou falando daquela que é a mais promissora em termos de ganhos e de aprendizado pessoal.

O Marketing multinível ou marketing de rede.

Definindo: O marketing multinível (network market em inglês) é um modelo de vendas em que um revendedor ganha uma participação nos lucros obtidos por ele e por sua rede de revendedores.

Simples assim. Mas não pense que é moleza.

No multinível, um revendedor precisa se esforçar para vender os seus produtos para sua clientela (gerando lucro direto) e atrair novos vendedores para a sua rede (conseguindo um lucro indireto, por meio da comissão residual de cada membro, que quanto maior a rede for, maior essa renda residual…).

O trabalho é maior, pois quando você forma sua própria equipe de vendedores, é necessário oferecer todo um suporte para eles. São necessários treinamentos, orientações, premiações, enfim, o que for preciso para manter uma rede engajada de revendedores. *

No final, tanto esforço é recompensador, já que quanto mais bem preparada sua equipe for, maiores serão os seus lucros.

*lembra quando eu falei mais acima que você pode ter site, produtos, logística, tudo pronto à distância de um clique? Pois então, você terá também, depois desse clique, tudo isso à sua disposição: treinamentos, premiações, orientações, palestras etc etc… Mas, calma, vou detalhar num dos posts da série.

Quando se fala em MMN, marketing multinível, tem gente que se arrepia: “mas isso não é pirâmide”?

Tem muito picareta por aí disfarçando seu esquema como sendo MMN. Mas é fácil identificar um esquema fraudulento de um negócio honesto. O quadro abaixo exemplifica o que se deve observar antes.

Essa talvez seja a principal polêmica que cerca o conceito de marketing multinível.

Como uma parte do lucro de um vendedor é gerada por meio da produtividade dos distribuidores recrutados por ele, muita gente acredita se tratar de um esquema de pirâmide.

Mas isso nada tem a ver com pirâmide!

Além de serem ilegais no Brasil, os esquemas de pirâmide têm três características determinantes:

  1. não existem produtos ou serviços sendo comercializados para quem está de fora da pirâmide. Caso haja mercadorias, elas não possuem valor de mercado compatível com o investimento inicial para entrar, ou seja, servem apenas como pretexto;
  2. o lucro é obtido somente com a entrada de novos integrantes no esquema. Quem investe para entrar só sobrevive na pirâmide se conseguir convidar outras pessoas a entrarem. Assim, gera-se um pouco de lucro para si e muito para quem está no topo;
  3. as pirâmides possuem prazo de validade. Afinal, chega uma hora que a base não consegue recrutar mais pessoas. Isso interrompe o fluxo de dinheiro, desmontando a pirâmide, já que o topo não terá como sustentar a base, que é bem maior.

Por isso, verificar se uma empresa está associada à ABEVD (Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas, https://www.abevd.org.br/) é uma das formas de saber se ela, de fato, pratica o marketing de rede. Há várias empresas no Brasil que praticam o marketing de rede, como a Jequiti e a Herbalife.

Quais são as vantagens desse modelo?

Autonomia de trabalho

Esse benefício pode parecer papo de vendedor, mas é inegável que trabalhar com venda direta traz uma certa liberdade. Afinal de contas, você poderá escolher quantas horas do dia se dedicará ao trabalho, o tipo de produto que quer comercializar e o público para o qual irá vender, por exemplo.

Mas é sempre bom lembrar que o seu ganho será proporcional à sua produtividade. E, claro, é preciso muita disciplina pra trabalhar em casa.

Suporte de grandes empresas

Trabalhar com venda direta é entrar em um mercado consolidado pelos seus números e por empresas de renome.

Considere a estrutura que ela oferece, os planos bem definidos de comissão e bonificação, a qualidade dos produtos, a capacitação, o respeito e o compromisso com os revendedores, entre outros pontos relevantes. E também há quanto tempo ela está nesse mercado.

Modelo escalável de ganhos

Essa é uma das principais características do marketing multinível. Por exemplo, quando um revendedor recruta um novo distribuidor, esse novo integrante pode, após um tempo, criar a sua própria rede. As pessoas que forem incluídas na rede por esse novo integrante também podem formar suas próprias equipes e, dessa maneira, os níveis da força de vendas vão se multiplicando.

É essa escalabilidade que caracteriza o marketing de rede e amplifica os ganhos dos líderes dos times.

No entanto, é importante frisar que a maioria das empresas de MMN limita os ganhos de um líder após uma certa quantidade de níveis multiplicados. Essa barreira tem a intenção de manter os ganhos baseados nas vendas, até para evitar que o recrutamento se torne o único canal de receitas de um profissional.

No quadro abaixo, fica mais fácil de visualizar os motivos de o marketing de rede poder ter essa escalibilidade de ganhos, em comparação ao modelo tradicional de distribuição/ revenda de produtos.

Não é tudo uma maravilha? São tantas vantagens, não é mesmo?

Mas como sou um cara honesto, preciso lhe falar das desvantagens principais:

Investimento inicial pode ser caro

Claro que isso depende muito da pessoa. Se você está quebrado, qualquer centavo vai parecer caro. Por outro lado, tem o ditado de que “dinheiro atrai dinheiro”, ou seja, um bom investimento vai trazer um retorno melhor…

Geralmente, o revendedor deve fazer um investimento inicial, comprando os produtos para revender com um preço sugerido, já sabendo a margem de ganho. Esse valor depende muito dos produtos e kits adquiridos.

De todo modo, isso gera um certo risco, principalmente se forem produtos que a pessoa tenha dificuldades para vender.

Criação de redes em longo prazo

O marketing multinível é bastante atrativo por essa possibilidade de ganho a partir da criação da sua própria rede de vendedores. Entretanto, mesmo os vendedores com um pouco mais de experiência no modelo tradicional de negócios podem demorar um pouco até criarem suas próprias equipes de venda.

Ou seja, pode ser difícil conquistar os primeiros clientes, e atrair novos vendedores para formar sua rede será uma missão ainda mais complexa.

Portanto, obter um retorno bacana com a criação de redes próprias de revendedores é algo que demandará alguns meses, talvez alguns anos.

**********************************************************************************************

Dá para ter sucesso? Dá.

Dá pra ter um renda extra? Dá.

Dá pra ter uma renda residual, que mesmo que você não esteja trabalhando por qualquer motivo, tem sua rede trabalhando por você? Dá!

Mas não existe milagre nesse negócio. Se você quer ter sucesso na vida, tem que dar seu máximo todos os dias. Seu sucesso será proporcional às gotas de suor que derramar, ao número de pessoas que você ajudar, às horas dedicadas à produtividade.

 

Amanhã postarei o próximo capítulo! Fique ligado!

 

 

Fontes:

rockcontent.com

wikipedia

descubrasuarte.com