A revolta de uma cidade

A revista americana Newsweek já foi a de maior circulação semanal no mundo, quando vendia mais de 4 milhões de exemplares por edição. Em 2013, quando as vendas despencaram, ela passou a ser apenas digital, mas voltou às bancas um ano depois. Hoje, sua edição digital convive com a versão impressa em tiragens mais modestas, em torno de 100 mil exemplares.

Mas continua com muito prestígio e produzindo reportagens de impacto. Como quando publicou uma série de reportagens sobre as cidades americanas que estão “moribundas” por causa da recente recessão no país. Cidades que, segundo a reportagem, pararam de crescer, estão sem oportunidades de emprego e/ou lazer e inclusive sofreram evasão dos residentes. Uma das cidades citadas foi Grand Rapids, no Michigan.

Michigan fica lá em cima, na fronteira com o Canadá, à beira dos Grandes Lagos. Segundo a revista, em 2000 sua população era de mais de 200 mil habitantes, e em dez anos encolheu cerca de 10%. O motivo foi o desemprego em função da crise da indústria automobilística americana, cuja sede fica em Detroit, a maior cidade do estado – e também da crise na indústria de móveis, que é a base da economia local. O ator Taylor Lautner (de Crepúsculo) é de Grand Rapids, assim como o vocalista Anthony Kiedis, da banda de rock Red Hot Chilli Peppers.

Taylor Lautner

Anthony Kiedis

A reportagem, como era de se esperar, despertou a ira da população, que respondeu rápido. Cerca de 5.000 pessoas se mobilizaram para gravar um clipe em resposta, mostrando seu amor pela cidade. O clipe custou mais de 40 mil dólares e foi patrocinado por 20 empresas locais.

A população mostrou a paixão e a energia dos que vivem em Grand Rapids e gravou um Lipdub. LipDub é um tipo de vídeo que combina sincronização labial e dublagem de áudio para produzir um videoclipe musical. É habitualmente produzido filmando grupos de pessoas que fazem sincronização labial ao som de um aparelho móvel de reprodução musical. No caso, a música escolhida foi “American Pie”, do americano Don McLean.

A letra da música, lançada em 1971, fala de eventos sobre música e comportamento que têm muito significado para os americanos, como por exemplo o final do movimento hippie ou a morte de John Kennedy, tida como símbolo da inocência perdida da geração de 1960. A música também foi tema da comédia “American Pie”, que se passa numa cidade com as características de Grand Rapids, onde o roteirista do filme viveu parte de sua vida.


Acho que o ponto principal de tudo isso é a lição de esperança que a população da cidade nos deu. Ninguém negou a recessão, o desemprego, as dificuldades que passam. Mas o vídeo mostra que as pessoas estão dispostas a lutar, a se divertir e a valorizar o local onde vivem e trabalham. Preservando a memória, a natureza e resgatando sua cidadania.
Porque eles sabem que assim serão mais fortes, como comunidade e como indivíduos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s