Relíquia – Como usar um telefone discado

O filme abaixo era apresentado nos cinemas antes do filme principal, e ao mesmo tempo em que os cinejornais semanais (na época não existiam telejornais, a televisão ainda estava sendo inventada). A data é provavelmente 1927, pois foi em maio daquele ano que a Califórnia inaugurou seu serviço de telefonia discado.

Para quem não sabe, as coisas eram um pouco mais difíceis antigamente. Se você ficasse doente com gripe e não pudesse sair de casa, não pagava contas; hoje você faz tudo pela internet e só vai ao banco se quiser – ou em casos excepcionais. A gente vivia sem celular, sem computador, quase sem comunicação. E então, as pessoas se falavam  pelo telefone  – aquelas  poucas que tinham telefone em casa – chamando as telefonistas (bastava tirar o telefone do gancho e uma delas atendia depois de algum tempo):

— Telefonista, eu queria uma ligação para o Zé, o número é 31-1975…
— Pois não. Assim que eu completar a ligação, eu retorno para o senhor.

E ficávamos lá, ao lado do aparelho, esperando a telefonista dar o retorno. Às vezes, esse retorno era muito demorado, especialmente se a ligação fosse interurbana. Dava tempo de você ler o jornal, jantar e escovar os dentes antes que ela chamasse de volta.

Era assim que as coisas funcionavam.

Mas… Como acontece sempre, a tecnologia evoluiu e um dia, na Califórnia, Estados Unidos, a empresa Bell inaugurou essa tecnologia avançadíssima que dispensava o uso das telefonistas. A empresa informava também que estaria entregando as novas listas telefônicas dos assinantes do serviço, com os novos números de telefone (lá chamadas de Blue Book, Livro Azul, e aqui mais tarde chamado de Páginas Amarelas).

Era uma supermega tecnologia, um avanço gigantesco para a época! Mas as pessoas tinham que aprender a usar essa inovação, o telefone com disco, e então milhares de folhetos foram distribuídos, ensinando como fazer:

Como a vida era diferente, não?

Publicado por Julio

Pedras no caminho? Guardo todas, um dia vou construir um castelo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: