Atualidades, Curiosidades, Sabedoria

Revolution

De tantas músicas que gosto dos Beatles, “Revolution” está entre as favoritas. Não apenas pela levada, com distorções e uma batida reta de Ringo que nunca tinham sido vistas até então numa música dos Beatles, mas também pela letra de John Lennon. “Revolution” foi o lado B do primeiro compacto simples da Apple Records, gravadora dos Beatles, lançado em 1968 com “Hey Jude” no lado A. (para quem não era nascido então, naquela época não havia CDs nem MP3, então a gente comprava discos de vinil que eram gravados dos dois lados. Os que traziam mais músicas, algo como 12 em média, eram os LPs. Os que traziam duas músicas, uma faixa de cada lado, eram os compactos simples).

“Revolution” foi executada no programa de David Frost, na ITV, em 4 de setembro de 1968. A apresentação histórica pode ser apreciada abaixo:

John Lennon compôs a canção durante seu período de meditação na Índia e a letra foi inspirada na situação global da época, como a revolta estudantil em Paris, a Guerra do Vietnã e o assassinato de Martin Luther King. Lennon contou como ele se sentia numa entrevista à revista Rolling Stone: “Eu queria desabafar sobre o que eu pensava da revolução. Eu achava que já era hora de falarmos sobre isso e parar de não responder perguntas sobre o que achávamos da guerra do Vietnã. Vamos falar de guerra dessa vez e não só embromar. Eu pensava sobre isso nas montanhas na Índia. Eu ainda tinha aquele sentimento de que ‘Deus irá nos salvar, ’ e que tudo ficaria bem.”

A letra segue abaixo, e logo depois a tradução.

You say you want a revolution
Well, you know
We all want to change the world
You tell me that it’s evolution
Well, you know
We all want to change the world
But when you talk about destruction
Don’t you know that you can count me out
Don’t you know it’s gonna be all right
All right, all right

You say you got a real solution
Well, you know
We’d all love to see the plan
You ask me for a contribution
Well, you know
We’re doing what we can
But when you want money 
For people with minds that hate
All I can tell is brother you have to wait
Don’t you know it’s gonna be all right
All right, all right
Ah

Ah, ah, ah, ah, ah…

You say you’ll change the constitution
Well, you know
We all want to change your head
You tell me it’s the institution
Well, you know
You better free you mind instead
But if you go carrying pictures of chairman Mao
You ain’t going to make it with anyone anyhow
Don’t you know it’s gonna be all right
All right, all right
All right, all right, all right
All right, all right, all right

Tradução

Você diz que quer uma revolução
Bem, você sabe
Todos nós queremos mudar o mundo
Você me diz que é evolução
Bem, você sabe
Todos nós queremos mudar o mundo
Mas quando você fala sobre destruição
Saiba que não pode contar comigo
Você não sabe que vai ficar tudo bem?
Tudo bem, tudo bem…

Você diz que tem uma solução de verdade
Bem, você sabe
Todos nós adoraríamos ver o seu plano
Você me pede uma contribuição
Bem, você sabe
Estamos fazendo o que se pode
Mas se você quer dinheiro
Para pessoas com mentalidade de ódio,
Tudo o que posso dizer é, cara, você vai ter que esperar
Você não sabe que vai ficar tudo bem?
Tudo bem, tudo bem…

Ah , ah, ah , ah, ah …

Você diz que quer mudar a Constituição
Bem, você sabe
Todos nós queremos mudar essa sua ideia
Você me diz que é a instituição
Bem, você sabe
É melhor libertar a sua mente, então.
Mas se você ficar carregando fotos do ditador Mao
Você não vai conseguir nenhum apoio, de ninguém
Você não sabe que vai ficar tudo bem?
Tudo bem, tudo bem…

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s