Manda estagiário fazer, dá nisso…

Todo mundo brinca com o estagiário.

Uma definição científica que corre por aí diz que o estagiário é uma subespécie chamada Inutilis RastejantisPodem atingir um nível cognitivo muito próximo ao dos seres humanos normais,  diferenciando-se apenas por serem acometidos de algumas anomalias cerebrais irreversíveis, o que para esta subespécie é um indicativo de evolução. Ao atingir esse nível, eles passam a ser chamados de Chatus uni-eskina-universitarius.

No meio corporativo, o estagiário é tido como uma criatura que não tem nada para fazer e não tem raciocínio próprio, porém sabe reconhecer uma ordem simples e está disposto a trabalhar mais e ganhar menos que os outros membros da empresa.

Normalmente, o estagiário é contratado para realizar o trabalho de outros profissionais para que estes tenham tempo de jogar Candy Crush e postar no Facebook. 

Por mais que o estagiário diga que “não é bem assim”, de tempos em tempos surgem evidências de que… “Sim, é assim”. Vejam o exemplo abaixo:

Eu encerro meu caso, Meretíssimo.

Publicado por Julio

Uma pena eu não ter nascido herdeiro ou milionário. Pois tenho um grande potencial pra isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: