Os Beatles são o grupo mais pirateado do mundo

Acho impressionante, não apenas como fã deles, mas como impacto musical mesmo, que um grupo que acabou há mais de 40 anos continue sendo referência de qualidade.

As músicas dos Beatles recebem cerca de 190 milhões de downloads por ano, à frente de artistas como Bob Marley, Led Zeppelin e Rolling Stones, segundo um estudo elaborado pela plataforma mundial contra a pirataria Muso. Essa plataforma trabalha em todo mundo para detectar sites que permitem a reprodução ou download de conteúdos musicais sem licença, mediante um sistema de controle remoto online. A pesquisa não inclui downloads via torrent. De acordo com a revista “Music Week”, calcula-se que cada arquivo de música dos Beatles seja baixado em média mil vezes.

O que significa isso? Que ainda existem pessoas que prefiram música pop bem feita, criativa, original, sem tantos samplings e “referências”, e que essas pessoas não encontram isso na música de hoje. Ainda há esperanças…

Outra referência que comprova a perenidade dessa banda foi o resultado do leilão na Christie’s de Nova York, que disponibilizou fotos de autoria de Mike Mitchell que registrou, então com 18 anos e com passe de fotógrafo free-lance com acesso aos bastidores, a primeira passagem dos Beatles nos EUA, em 1964. Fotos do concerto no Washington Coliseum, e dos bastidores de coletivas de imprensa estão entre o material exposto.

Alguns exemplos dos preços alcançados:

US$ 4,750.00

US$ 7,500.00

US$ 8,125.00

US$ 16, 250.00

US$ 68,500.00

As fotos são, de fato, fantásticas por si só,  mas será que algum grupo ou artista solo de hoje conseguiria resultado parecido num leilão?

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s