Como a Igreja Católica escolhe seus santos

Uma vida repleta de virtudes heroicas, exemplos de fé e devoção a Deus. Some-se a isso dois milagres comprovados e estão cumpridos basicamente os requisitos mínimos para se criar um santo da Igreja Católica. O processo, no entanto, depende de uma máquina burocrática complexa em que qualquer desvio de caráter pode custar o título aoContinuar lendo “Como a Igreja Católica escolhe seus santos”

Loucos e Santos

Texto  de Marcos Lara Resende Meus amigos são todos assim: metade loucura, outra metade santidade. Escolho-os não pela pele, mas pela pupila, que tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo. Deles não quero resposta, quero meu avesso. Que me tragam dúvidas e angústias eContinuar lendo “Loucos e Santos”