Profissões que ficaram no passado

Não faz muito tempo, estava conversando sobre as profissões antigas, não aquelas que mudaram de nome (como mensageiro, hoje carteiro), mas aquelas que o progresso ou a tecnologia acabaram extinguindo. Outras profissões desapareceram apenas pela mudança de costumes, simplesmente. Por exemplo, a de limpadores de chaminés: geralmente crianças de rua, abandonadas, que eram “adotadas” porContinuar lendo “Profissões que ficaram no passado”

Veja profissões que estão em alta e em baixa em oito setores do mercado

Todos sabem que o Brasil enfrenta uma crise – mais uma! – mas, apesar de algumas profissões se encontrarem em baixa, há outras que estão em alta. Justamente pelo fato de o país ser tão imenso e, portanto, há setores onde a crise afeta mais do que em outros. De um modo geral, os profissionaisContinuar lendo “Veja profissões que estão em alta e em baixa em oito setores do mercado”

Nomes perfeitos para suas profissões (atualizado)

Todo pai e toda mãe tem uma preocupação, assim que nasce o herdeiro: o nome. Afinal, o nome será algo que essa criança levará por toda a sua vida, e normalmente as pessoas procuram zelar pelo bom nome. Pensando nisso, muita gente ficou imaginando como seria se você pudesse identificar a profissão pelo nome daContinuar lendo “Nomes perfeitos para suas profissões (atualizado)”

Dez profissões em alta (2 de 2)

Faz alguns dias, postei a primeira parte dessa matéria (https://otrecocerto.wordpress.com/2013/08/02/dez-profissoes-em-alta-1-de-2/), e agora, vamos à parte final dela: 6) Controller Quanto ganha (em média): R$ 10.000 a R$ 20.000 O que faz: Analisa e interpreta as informações contábeis das empresas de forma a reduzir perdas e maximizar o lucro, utilizando, para isso, conhecimentos avançados de administração.Continuar lendo “Dez profissões em alta (2 de 2)”

Dez profissões em alta (1 de 2)

Faz algum tempo, postei um texto que falava das profissões em baixa no mercado de trabalho brasileiro (https://otrecocerto.wordpress.com/2013/07/02/dez-profissoes-em-baixa-parte-1-de-2/). E agora, vamos citar as dez profissões em alta, de acordo com as empresas locais e as multinacionais com filiais no Brasil. Segundo um relatório divulgado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan)Continuar lendo “Dez profissões em alta (1 de 2)”

Dez profissões em baixa (parte 2 de 2)

(continuação do post anterior, que fala das profissões em baixa, segundo os headhunters) Psicologia Recém- formados em psicologia têm dificuldade em abrir clínicas e conseguir pacientes, que geralmente preferem os profissionais mais experientes. E, com a mudança no mercado de Recursos Humanos, que passou a absorver profissionais de outras formações para compor quadros organizacionais, asContinuar lendo “Dez profissões em baixa (parte 2 de 2)”

Dez profissões em baixa (parte 1 de 2)

Saiu na revista Exame de junho de 2013. São informações importantes: Mudanças na economia, excesso de formandos e os avanços tecnológicos são três variáveis citadas pelos especialistas na hora de citar profissões e carreiras com menor número de vagas no mercado de trabalho atual. “Com isso, o ritmo de contratações diminui para algumas carreiras e o mercado não consegue absorver 100% dasContinuar lendo “Dez profissões em baixa (parte 1 de 2)”