Para fugir do ar-condicionado, Microsoft ‘mergulha’ data center

Inspirados por Júlio Verne, os pesquisadores da Microsoft acreditam que o futuro dos data centers possa estar no fundo do mar. A Microsoft testou o protótipo de uma central autônoma de processamento de dados capaz de operar centenas de metros abaixo da superfície do oceano, eliminando um dos mais dispendiosos problemas que o setor deContinuar lendo “Para fugir do ar-condicionado, Microsoft ‘mergulha’ data center”