Robert de Niro fez teste para o papel de Sonny Corleone… e não passou

O Poderoso Chefão não é apenas um filme: é uma religião. Poucas são as listas de melhores filmes de Hollywood em que não figura a saga da família Corleone. Sobre a história do filme, você já deve saber tudo o que há para saber.

Mas, e sobre os bastidores da escolha dos elenco, sobre o diretor? Então, vamos lá, tem muita coisa que eu não sabia.

  • Antes de Francis Ford Coppola, a direção de “O Poderoso Chefão” foi oferecida a Sergio Leone, responsável por clássicos do Western como “Três Homens em Conflito” e “Era uma Vez no Oeste”. O cara se recusou por achar que a história glorificava demais a máfia. Mais tarde, Leone se arrependeu de não tê-lo dirigido e acabou fazendo seu próprio filme do gênero: “Era Uma Vez na América”.
  • Coppola fazia questão que Marlon Brando interpretasse Don Vito, porém os executivos da Paramount não queriam o ator por causa de sua fama de causar problemas no set. Entre os cogitados para o papel estavam Laurence Olivier (o preferido do estúdio, mas seu agente recusou alegando que”Lorde Olivier não está trabalhando. Ele está muito doente. Ele vai morrer logo e não está interessado.” (Olivier viveu por mais 18 anos…), Orson Welles, Anthony Quinn e  Burt Lancaster, mas Coppola conseguiu convencê-los após gravar um vídeo com Brando transformado no personagem.
Laurence Olivier
Marlon Brando antes e depois da maquiagem para o papel de Don Vito Corleone. © Paramount Pictures and other respective Production Studios and Distributors.

 

  • Outro papel disputado desde o começo foi o de Michael Corleone… O estúdio queria Robert Redford ou Ryan O’Neal, porém Coppola queria um desconhecido que se parecesse com um ítalo-americano,  Al Pacino. Pacino não era conhecido, tendo aparecido em apenas dois filmes, e o estúdio não o considerava certo para o trabalho,  em parte também por causa de sua altura. Jack Nicholson, Dustin Hoffman, Warren Beatty, Martin Sheen e James Caan foram convidados para o papel e todos recusaram, exceto Caan – tornando-se a primeira escolha do estúdio para interpretar Michael. Pacino só recebeu o papel após Coppola ameaçar sair da direção. O estúdio concordou em ter Pacino como Michael sob a condição de Caan interpretar Sonny.
  • Para o papel de Sonny Corleone, mais uma vez foram testados vários atores, entre eles… Robert de Niro. Veja só seu teste, com uma fala provocadora (e hilária), caprichando no sotaque italiano:

De Niro era então um ator desconhecido, e fez ainda testes para o papel de Michael, não sendo aceito para nenhum… porém,  mais tarde interpretou um jovem Vito Corleone em O Poderoso Chefão Parte II, ganhando o Oscar de melhor ator coadjuvante.

James Caan como Sonny Corleone
  • Brando não tinha a fama de causador de encrenca à toa. Quando ganhou o Oscar em 1973 por sua interpretação como Don Vito Corleone, se recusou a receber a estatueta em protesto contra a discriminação aos índios americanos feita pelo governo e por Hollywood. Em seu lugar, mandou Marie Louise Cruz, conhecida como Sacheen Littlefeather, atriz e ativista Apache que lutava pelos direitos dos nativos americanos. Assista o vídeo.

  • A princípio, Coppola não queria dirigir o filme, porque achava a obra comercial demais. Porém, sua produtora Zoetrope, em sociedade com o diretor George Lucas, tinha uma dívida de US$ 400 mil dólares à Warner Bros por conta do fracasso do filme”THX 1138″, primeiro longa de Lucas. No final, Francis só aceitou entrar para a produção para pagar as contas.
No futuro, a humanidade vive abaixo da superfície da Terra, em uma sociedade onde os robôs são a força policial e as pessoas se divertem através da TV holográfica. Todas as pessoas tomam drogas diariamente, para controlar as emoções e manter a paz. Além disto, o sexo é proibido por lei. Um dia, o trabalhador THX 1138 resolve parar de tomar suas drogas e se apaixona por LUH 3417, sua colega de quarto, que engravida dele. Ao serem descobertos, eles se tornam bandidos em fuga. O filme, de 1971, é estrelado por Robert Duvall, que acabou ganhando um papel importante em “O Poderoso Chefão”.
  • Marlon Brando queria que o rosto de Don Corleone se parecesse com o de um bulldog. Para os primeiros testes de cena, encheu a boca com algodão. Para as gravações, utilizou próteses feitas por um dentista e que hoje estão em exposição no Museu Americano da Imagem em Movimento, em Nova York.
  •  Alguns atores como Brando, Pacino, Caan, e Robert Duvall se prepararam para o filme encontrando mafiosos de verdade. Entre os poucos criminosos que tiveram seu nome revelado está Carmine “The Snake” Persico.
  • Frank Sinatra aparece, de forma indireta, no filme. Afinal, a carreira de Sinatra foi muito impulsionada pela ajuda dos grandes mafiosos norte-americanos. Como o Johnny Fontane do filme, quando saía da cena musical ou desandava um pouco na carreira, Sinatra contava com os mafiosos para ameaçar e agredir quem quer que estivesse em seu caminho. Alguns até relatam que Sinatra e Mario Puzo, autor do livro que deu origem à trilogia, tiveram diversos desentendimentos. O cantor ignorou e ameaçou Puzo diversas vezes, mesmo este nunca confirmando a inspiração.

Seja como for, o filme está entre uma das produções mais significativas da história cinematográfica. Teve por produtos a perpetuação de características da máfia que se mantêm até os dias de hoje e a projeção de novos talentos da indústria do cinema, que reverberam seus talentos individuais em projetos subsequentes. Alterando a forma pela qual a comunidade italiana é vista nos Estados Unidos, a narrativa usa da história real dela para construir sua argumentação, e seu teor verídico impacta os espectadores com êxito absoluto. O Poderoso Chefão é um clássico, uma das produções mais bem sucedidas e impecáveis do cinema mesmo tantos anos após seu lançamento, e não é exagero dizer que continuará sendo em todas as décadas que ainda irão se suceder.

Abaixo, o elenco reunido em 2017.

 

 

 

 

 

 

 

Publicado por Julio

Uma pena eu não ter nascido herdeiro ou milionário. Pois tenho um grande potencial pra isso.

Um comentário em “Robert de Niro fez teste para o papel de Sonny Corleone… e não passou

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: