Figurantes de filmes de cinema que não tinham ideia do que deveriam fazer

Existe gente sem noção em todas as atividades.

Uma delas é a de figurante, o personagem de um filme que não é fundamental para a trama principal e serve apenas como composição do cenário ou formação das personagens principais. O termo também se aplica ao teatro e à televisão. Claro que há figurantes que, graças ao talento, estudo e empenho, se tornaram depois grandes astros, como no caso de Bruce Willis, que foi apenas mais um nos bancos de um tribunal no filme O Veredito, de 1982, estrelado por Paul Newman. Ou Sylvester Stallone, figurante em Bananas, de 1971, filme dirigido por Woody Allen.

Mas há aqueles que, de fato, não entenderam muito bem as instruções da equipe de filmagem. Ou resolveram “atuar”. Veja:

Esse não sabe como funciona uma vassoura… Sorte dele que o James Bond não estava olhando.

O cara lá atrás tomou um murro-fantasma do Batman…

O sujeito tem certeza de que levou um chutão do Luke Skywalker, ah ah ah!

O cara encostado na parede… O que será que mandaram ele fazer? 

Assim como o rapaz da vassoura lá em cima, a moça aqui embaixo não sabe bem como cortar a comida… Ela está usando o garfo além da faca? 

O stormtropper era mais alto do que podia…

Veja um cara feliz da vida por estar fugindo da praia atacada por um tubarão!

Esse acho que encerrou definitivamente sua carreira de extra de cinema…

Para encerrar, dois furiosos guerreiros se enfrentando numa batalha mortal.

Problemas com o computador

CASOS REAIS:  

CLIENTE: ‘Não consigo fazer conexão com a Internet.’
SUPORTE: ‘Tem certeza que utilizou a senha certa ?’
CLIENTE: ‘Sim, tenho certeza. Vi um colega fazendo.’
SUPORTE: ‘Pode me dizer qual foi a senha ?’
CLIENTE: ‘Cinco estrelinhas.’

*************************
CLIENTE: ‘Não consigo imprimir. Cada vez que tento, o computador diz: ‘Não é possível encontrar a impressora’. Já levantei a impressora e coloquei-a em frente ao monitor, mas o computador continua dizendo que não consegue encontrá-la.’

*************************

SUPORTE: ‘Serviço ao cliente da HP. Sérgio falando. Em que posso ser útil?’
CLIENTE: ‘Tenho uma impressora HP que precisa ser reparada.’
SUPORTE: ‘Que modelo é ?’
CLIENTE: ‘É uma Hewlett-Packard.’
SUPORTE: ‘Isto eu já sei. É colorida ou preto e branco?’
CLIENTE: ‘É bege.’

*************************

SUPORTE: ‘Bom dia. Posso ajudar em alguma coisa ?’
CLIENTE: ‘Eeh… Olá. Não consigo imprimir.’
SUPORTE: ‘Pode clicar no ‘Iniciar’ e… ?’
CLIENTE: ‘Calma aí! Não responda assim muito tecnicamente. Não sou o Bill Gates!’

*************************

CLIENTE: De repente aparece uma mensagem na minha tela, que diz Clique ‘Reiniciar’… O que eu devo fazer ?’
SUPORTE: O senhor aperte o botão solicitado, desligue e ligue novamente.

Sem pestanejar, o cliente desliga o telefone na cara do atendente e liga para o suporte novamente.
CLIENTE: E agora o que eu faço ?

*************************

CLIENTE: ‘Tenho um grande problema. Um amigo meu colocou um protetor de tela no meu computador, mas a cada vez que mexo o mouse, ele desaparece!’

*************************

SUPORTE: ‘Em que posso ajudar ?’
CLIENTE: ‘Estou escrevendo o meu primeiro e-mail.’
SUPORTE: ‘OK, qual é o problema ?’
CLIENTE: ‘Já fiz a letra ‘a’. Como é que se faz o círculozinho em volta dela ?’

*************************

CLIENTE: ‘A Internet também abre aos domingos ?’

*************************

Depois de um tempo falando com o atendente do suporte.
SUPORTE: ‘O que tem do lado direito da tela ?’
CLIENTE: ‘Uma samambaia !’
SUPORTE: silêncio………………………